DR. PAULO ROBERTO SILVEIRA

VIVO DE AJUDAR AS PESSOAS  A AMENIZAREM  OS SOFRIMENTOS  DO CORPO E DA ALMA.

Meu Diário
01/08/2010 20h05
COMO A PRATICA DO JUDO TRANSFORMOU A MINHA VIDA PARA MELHOR
COMO A PRATICA  DO JUDO TRANSFORMOU A MINHA VIDA PARA MELHOR
 
 
 
Aos 15 anos comecei a praticar judô na academia instalada no Recreio do Trabalhadores, para funcionários e filhos de funcionários da CSN em Volta Redonda.Era o ano da graça de 1965. No ano seguinte no Campeonato Fluminense de Judô em Volta Redonda , na categoria Pesado ( acima de 90 kg) fui Campeão Fluminense Juvenil, sendo promovido a faixa amarela, e convocado para o Campeonato Brasileiro de Judô Juvenil em Belo Horizonte , sendo promovido a faixa verde, no ano seguinte 1967 no Campeonato Fluminense Juvenil em MACAE - RJ, sagrei-me Bi Campão Fluminense de Judô, sendo convocado para o Campeonato Brasileiro de Judô em Pelotas, sendo promovido a faixa marrom. Em 1968 tornei-me Faixa Preta ( SHO DAN) aos 18 anos, participando de todos os campeonatos no Rio e São Paulo onde obtive na categoria de Pesado muitos troféus de 1º,2 º e 3 ° . Fiz muitas amizades com judocas em evidencia da época : Benedito Matos da Costa (BENY) 3º Dan, que mais tarde casaria com a minha irmã Marly; Jose Ventapane de Niterói, Jorge Nascimento de Niteroi, Jose Candido vulgo Zé Butina 2 º Dan em Volta Redonda , Osmaro Lopes de Farias o nosso querido velhão, 3º Dan em Volta Redonda ,   Jurndir Genestra vulgo Juju, 2 º DAN,Jose Medina a VACA pela força física e apetite, VAVA, 1° Dan, João Valério 1 º DAN hoje nos EEUU, Ulisses, o Pugilista. O meu apelido (ainda ate hoje os meus conterrâneos me chamam, é SANSÃO, pois sou ambidestro e em perfeita forma imbatível no Harai Goshi e Uchi Mata. e mortal nas imobilizações e estrangulamentos.Certa feita, estava treinando duro, para uma competição em Suzano, Estado de Sao Paulo, pela Olimpíada do Vale do Paraíba, quando Ulisses , o pugilista, acercou-se de mim e disse:Sansão, tire a parte de cima do quimono, prontamente atendi, sem entender nada, e subitamente deu-me um poderossimo soco na boca do estomago, fingi nada sentir, ato continuo, me convidou a sequi-lo ate o setor do Recreio dos Trabalhadores onde funcionava a Academia de Boxe, e, calcando-me uma luva de treino, segurando com toda a forca um saco de areia de treino, me ordenou a dar uma saraivada de socos , eu , prontamente atendi, quando nao foi o espanto do Ulisses ter sido arremessado a distancia, entre eufórico e surpreso me convidou a participar dos treinos de Boxes. Eu empolgado com a minha performance , apos os treinos de Judo, me dirigia a Academia de Boxe e participava de todo o treinamento para ser o mais novo boxeador, o chato era pular aquela cordinha com rapidez para evitara as chicotadas na cara, e, os murros que a gente levava na barriga para treinar a musculatura do abdomen. Quando acharam que estava pronto, fui, convocado a ser o mais novo oponente, ou a vitima do imbatível Quebra Ossos , um português , verdadeiro armário, que vencia todas as lutas por nocaute, o ultimo foi coitado do mudinho de alcunha Paua, que caiu duro logo no primeiro round, pois e,
 
 
 
 
 
 
 
 eu , serio a próximo desafiante na próxima segunda feira, era , o dia de luta de boxe , mas , ao constatarem que eu tinha ainda 17 anos, o juizado de menores, acertadamente não permitiu a minha luta, para minha decepção e tristeza , minha e do Ulisses , que achávamos que com certeza com o meu Up de esquerda e cruzado direita, faria aquele Vinkig, beijar a lona logo no primeiro assalto, eu, nao estava percebendo como o meu anjo de guarda estava me protegendo. Ah jovens se acham indestrutíveis, e, importante lembrar que naquela época não havia ainda aquela área de demarcação nos tatames, nos judocas daquela época saia na porrada ( combate ) ate depois que o tatame acabava, como numa competicao em Rezende, contra , a equipe da Aman, (Exercito Brasileiro) um cadete me jogou para cima das cadeiras, quebrando umas meias dúzias de umas três ou quatro, foi a primeira vez que perdi os sentidos na minha vida, refeito , voltei para o tatame dei-lhe o troco , que ao cair de Ippon fora do tatame, la ficou estatelado , desmaiado sem condições de continuar a luta,  pois foram um Ipon legitimo de dentro do tatame para fora, acho que a Federação Brasileira de Judô começou e pensar nas áreas demarcadas a partir desse combate, são ossos do oficio.
Ao pedir demissão da CSN, estava lotado como Auxiliar de Escritório na LCV , Linha de Compra e Vendas no terceiro andar do Escritório Central matricula 18.044, para fazer medicina em Portugal na Faculdade de Medicina e Cirurgia da Universidade do Porto em Portugal. Aos 19 anos em 1969 na cidade do Porto em Portugal onde estava iniciando os meus estudos em Medicina, ao procurar local para treinar no Centro Desportivo Universitário do Porto, soube que o professor de judô um japonês 5 º Dan havia voltado para o Japão, e não havia mais aula, passando a ser o mais novo professor de Judô , onde dei aulas de l969 a 1975 quando me formei e retornei ao Brasil, as aulas no Centro Desportivo do Porto eram as 2ª , 4 ª e 6ª na Rua da Hora, fui também professor de Natação substituto e em 1970 fui convidado a dar aulas num Tatame instalado no prédio dos Bombeiros Voluntários de Estarreja, as 3 ª e 5 ª feiras, para adultos e crianças quando foi a melhor experiência e inesquecível de dar aulas para crianças . Em janeiro de 1976 regressei ao Brasil como medico formado iniciando minha vida profissional como Medico Residente em Clinica Medica no Hospital da CSN. Em Janeiro de 1977 mudei-me para o Rio de Janeiro, pois havia passado no concurso de Residência médica em Neurocirurgia, no Hospital Geral do Andarai, e, portanto perdi contato com a nossa querida cidade Volta Redonda. Tornei-me amigo do professor Petrucio Monteiro, 1 ° DAN que era o professor de Judo da Escola de Educação Física em Volta Redonda , e do professor Nivaldo Pereira 6 º DAN cuja Academia freqüento ate hoje como SHO DAN master. Fui professor de Judô no Tijuca Tênis Clube , em 1984 a 1986, quando , me afastei da função de professor de judô, ficando somente como judoca , veterano ou máster, registrado na Federação de Judô do Estado do Rio de Janeiro n° 120563.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


Publicado por PAULO ROBERTO SILVEIRA em 01/08/2010 às 20h05
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
07/09/2009 17h29
A GARRAIADA ( OS FORCADOS , FORÇADOS )
A GARRAIADA  NA POVOA DO VARZIN
( OS FORCADOS , FORÇADOS )

 
Naquela manha, de primavera  de   4  de outubro de 1969 , quando de mala e cuia, aos 20 anos,  tendo a companhia do meu pai, Sr Washington Luiz Silveira Trindade, o meu pai natural de São Gonçalo , Estado do Rio, foi criado pela família da mãe : Isaura Trindade, mas , quando nasci em 22  de março de l949, em Volta Redonda Estado do Rio, meu pai , consertou as coisas e colocou o nome do pai dele, Alvaro Silveira ,  dai o Silveira, mas  ,isto é  outra historia; meu pai,      também conhecido como "Seu Woston", em frente da minha casa a Rua 58 n 38 esquina com a Rua 33 na Vila Santa Cecília em Volta Redonda, estávamos nos dirigindo para o ponto de ônibus que nos lavaria a Rodoviária com destino ao Rio de Janeiro, onde embarcaria na Praça quinze no navio da Linha C, Eugenio C, que me levaria a Lisboa de onde embarcaria para a cidade do norte de Portugal , Porto, onde iniciaria o curso de Medicina e Cirurgia, na famosa e centenária Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, olhei para traz para me despedir de minha mãe, chorosa e inconsolável , Sra Maria Yolanda de Jesus Silveira, também conhecida como "Dona Mariazinha", e junto dela meus dois irmãos, Marly com a Ana Kiriaty com 1 mês no colo e Humberto, senti um forte aperto no coração e com lágrimas nos olhos e um soluço me entalando na garganta senti que meu pai, percebendo a situação, me puxava pelo braço, e, via ela,  e os meus irmãos e sobrinha....impávidos , imóveis , todos chorando muito , mais,  a  imagem da minha mãe que soluçando e acenando a mão direita dizendo : Vá meu filho, Vá ao encontro do seu sonho e que Deus o guarde e o acompanhe.....Nos te amamos muito.. e não se esqueça de voltar para nós... Esta imagem da minha mãe , dos meus irmãos e depois do meu pai quando do Cais porto , já a bordo do navio , me acessava com um lenço branco, com lagrima nos olhos o via acenando, acenando... , até perdê-lo de vista.  Estão até hoje gravados a ferro e fogo na minha retina e no meu coração. Tinha 20  anos, no meu passaporte havia uma autorização do Juizado de Menores para viajem ultramar,  a maioridade civil no Brasil e aos 21 anos, e para agravar a situação , nunca havia antes me separado da minha família, melhor dizendo, nunca havia saído de Volta Redonda, era um verdadeiro bicho do mato. Nesta viagem tinha como companhia mais dois colegas com o mesmo objetivo que o meu, o Norberto Pereira que era mais velho tinha 24 anos e morava na Rua 54, e trabalhava como eu na CSN , namorava uma colega minha da LCV a Norma, e o Cláudio Umberto Granato, que tinha 22 anos e morava no Conforto, fora meu colega de ginásio e cientifico, ocupávamos uma cabine de quatro passageiros , tendo como companheiro mais um individuo de nacionalidade portuguesa,   que nos custara cento e oitenta dólares para cada, era o menor preço do navio. A viagem transcorreu sem nenhum problema por nove dias, com comida farta, jogos, piscina, muita piscina, e ha os filmes a bordo, a não ser o fato de ter arranjado uma namorada que viajava com a família, logicamente não dava para ficarmos no camarote dela e o fato de estar numa cabine  com mais três indivíduos,  tinha o inconveniente da  falta de privacidade, e , combinamos que ao estarmos com companhia feminina,  na cabine, colocaríamos por sobre o vão da porta, que estaria fechada, uma meia masculina é claro!, sinal de não incomode ( Do Not Disturb !).
Qual era a minha surpresa que toda as vezes que me dirigia a cabine os "sacanas "colocavam uma meia e o "babaca" aqui respeitava, horas a fio ate perceber que era sacanagem dos  três. Talvez inveja de eu ser o único na viagem a ter se dado Bem, pois os dois não pegaram nem resfriado. O importante e que também todas as vezes que eu colocava a meia sobre o portal ,tinha a minha privacidade era respeitada.
Ao chegarmos em Lisboa  em 13 de novembro de 1969, nos dirigimos ao Embaixada  Brasileira, para acertos burocráticos das nossas documentações . Só houve  dois   problemas,   na nossa papelada estava indicando a  nossa matricula em  medicina na Universidade de Coimbra e não na do Porto, motivo de ficarmos , cerca de três dias , em Lisboa ate que se consertasse a nossa matricula em Medicina agora como queríamos, na Universidade do Porto, e o outro problema era que eu havia esquecido o endereço que me fora fornecido em Vota Redonda, por colega, que , já havia se transferido para o Brasil,  o Sylvio Branco, que morava lá pelos lados da  Rodoviária de Volta Redonda,  que nos deu como primeira referencia   de moradia em  na nossa estadia no Porto, no endereço contava que da dona de pensão  seria  Dona Cândida e que era na Rua da Constituição,  e, eu  tinha , justamente esquecido a porra  da indicação do número , não foi a nossa sorte ter encontrado na Embaixada  Brasileira, um outro brazuca ( nome que os portugueses chamavam nos brasileiros) , mas nos por vingança os chamávamos de " Kutrucas", que também iria para a pensão da Dona Cândida, a Rua de Constituição ,com tudo resolvido , no dia 16 de outubro de 1969, fomos a Estação Ferroviária de Lisboa e compramos nossos bilhetes para o Porto. E chegamos finalmente na cidade do Porto em Portugal, que para variar estava chovendo. No Porto chove quase todos os dias, mas há controvérsias. Nos dirigimos imediatamente a pensão da dona Cândida onde moraram  o Célio Franca filho da Dra Aurea França e o Sylvio Branco,  os dois que faziam  medicina , eram de Volta Redonda,  e ao chegarem no segundo ano se transferiram para Brasil, porem , lá fomos apresentados ao Sylvio Preto , e ,  fomos direcionados para outro endereços, pois , na Dona Cândida estava com lotação esgotada, fomos imediatamente para os endereços indicados, eu e Cláudio ficamos na pensão da Dona Rosa na Rua Miguel Bombarda  onde ficamos de cerca de ano e meio e  depois mudamos para a Rua Cedofeita , 640 onde ficamos eu e Claudio nas Águas Furtadas ( sótão )   de meados de 70 a 72 ,   onde ficamos muito amigo  do Caldas que fazia Biologia e o Eugenio Pereira estudante de Engenharia, o Norberto foi para outro lugar   em que havia outros Brasileiros : o Flavio e Luiza ambos mineiros, lá para os lados da  Lapa.  Estes dois Flavio e Luiza estão ate  hoje no Porto , são oftalmologistas se não estou enganado. Os brasileiros que estudava na Universidade de Porto, sob os auspícios do Convenio entre Brasil e Portugal, eram na sua maioria de Medicina, mas tinha gente fazendo engenharia, economia, farmácia e outros curso superiores. Iniciamos nossa vida acadêmica com as cadeiras do primeiro ano: Física Médica, Química Medica, Biologia Médica, Anatomia Descritiva. Os portugueses universitário tem o habito de estudar em Cafés, onde fazem a vida estudantil e social. Ó Pá, ( corruptela de rapariga) que gaja ( menina) gira (bonita) ,onde é o café que ela para? O miudo levou duas picas no cú, como berrava de dor.... ( o menino tomou duas injeções na bunda e gritava de dor.) Cuidado que o portugues as vezes não como se parece! O café escolhido por nós foi o Café Guanabara, na Rua Cedofeita, talvez porque o nome lembrava a  antiga capital do Rio de Janeiro. O Centro Desportivo Universitário ficava na Rua da Hora, bem pertinho da Miguel Bombarda onde fui me matricular para treinar Judô, e ao saber que o professor um japonês 5° Dan havia retornado para o Japão, ofereci-me para a vaga aberta, sendo contratado como o mais novo professor de Judô do Porto, ganhando 1.000 escudos por mês, depois passei a ganhar 5000 escudos que eu dividia com Cascais outro brasileiro que fazia Engenharia e era faixa marron, uma vez ser  faixa preta 1 DAN, era o sensei do Centro Desportivo do Porto, ate me formar em Medicina,  situação esta, que realmente mudou a maneira de ser visto pelos colegas portugueses, deixaria de ser o Paulo, o brasileiro (Brazuca) maneira pejorativa de como éramos conhecidos, mas merecíamos, pois também encarnávamos nos nossos pobre colegas portugues só contando as inefáveis piadas de português,   mas continuando, para Paulo o Professor de Judô do Centro Desportivo Universitário do Porto, onde toda a Universidade do Porto praticava Esportes, mais tarde daria também aulas de Natação, onde conheci a Maria Lucinda, também conhecida como NINI um grande amor. Nos dias 26 de abril a 3 de maio do ano da Graça de 1970, numa festa Universitária realizada  para celebrar o  final do Ano Letivo, quando os formandos da Universidade do Porto se despede de sua vida Acadêmica, queimam simbolicamente as fitas inerentes ao Curso Superior efetuado com um livro de couro saindo 6 fitas que significava os anos cursados, a cartola e o anel de doutor da mesma cor e um vestimenta denominada Capa e Batina ( um terno preto imitando a roupa eclesiástica na gola (a batina) e uma capa preta enorme parecendo a do Conde Drácula, e as mulheres usavam a saia preta  e a capa  negra. O nome da festa e famosa nas três cidades onde haviam as Universidades que em 1970 eram : Lisboa, Porto e Coimbra. As fitas variam a cor de acordo com o curso: a medicina era amarela, a de direto vermelha, de engenharia marron, de farmácia roxa, de licenciaturas gerais era azul escuro, de biologia ,azul claro e assim por diante. Os alunos de outros anos, portavam a pasta de couro com as fitas inerentes aos anos cursados os do quinto ano tinha cinco fitas, os do quarto ano tinham quatro fitas, e assim por diante ate os do primeiro ano que tinham somente uma única e misera fita . Os Calouros tinham apenas um botão da cor do curso que freqüentariam, o nosso é claro era amarelo! E a festa se prorrogava por toda uma semana , culminando com uma festa de garraiada
 ( garraio: uma espécie de bezerro do touro miura com cerca de meia tonelada!) na Praça de Touros numa cidade perto  15 Km,  do Porto denominada Povoa do Varzim, do qual todo os calouros eram intimados a comparecer. Tínhamos uma participação especial para deleite dos formandos da Universidade do Porto, o negócio era o seguinte, lembrava o Coliseu Romano eles (os veteranos) a a nobreza e a população sedenta de sangue nós os calouro ( ai então eu compreendi finalmente o motivo de que éramos obrigados a vir a  Povoa do Varzim) éramos os Gladiadores. "Ave César nos que vamos morrer te Saudamos"!   Tínhamos que participar de todos os jogos era esse o nosso trote! Vários esquetes em que nos os calouros vestindo a bata branca de médico carregávamos um cara todo pintado de mercúrio cromo quando . tocando uma sirene de ambulância, de repete saia quatro garraios de cada 4 dos portões , sinalizados pelas cornetas de touradas, e eles todos ao mesmo tempo eram soltos e logicamente estavam furiosos, e pesavam cerca meia tonelada cada, soltando fogo pelas ventas e a vantagem era que em vez de chifres ,tinha dois botãozinhos no lugar. Menino a gente soltava o paciente ( era ocara mais magro do grupo ) que de um pulo também se botava a correr, com os garraios em nosso encalço.   E era um salve-se que puder!, de um lado para outro aquela loucura,o objetivo era atingir a cerca de cercas de dois metros e ficar equilibrada nela, eram o que nos ensinavam, e orientavam, o   motivo,    estava la dentro da cercado correndo mais furioso ainda "os pais" eu afirmo os pais machos , dos garraios isto mesmo o Touro Miura a vivo e a cores com   dobro do peso e com os chifres afiadíssimos, caçavam sem dó e nem piedade os incautos que achavam ser aquele o lugar mais seguro, o que definitivamente não o eram! menino ! não era mesmo !sim senhor !, para desespero nosso calouros e delírio da multidão..... como no Coliseu Romano ..... E havia vários enquetes......Nos calouros sentados no meio da arena em cadeiras e mesas, fingíamos estar estudando, quando a corneta soava indicando a saída de mais quatro furiosos garraios pelas porteiras, para nossa segurança se podia se falar nessa palavra, eram obrigados a soarem as cornetas anunciando touros digo garraios no pedaço, Menino era correr ou ser impiedosamente atingidos pelas cabeças sem chifres dos furiosos garraio ai entendi o nome de "garraiada" . Nem precisa falar o que acontecia com as pobres cadeiras e mesas eram literalmente reduzidas a pó, pois o miurinhas não se contentavam com as marradas ( chifradas) eles pisoteavam ate não poder mais, vários enquetes sempre com os pobres e infelizes calouros sendo irremediavelmente e implacavelmente perseguidos pelos furiosos garraios, mas ..... como miséria pouca é conversa, o ponto alto ainda estava por vir. Era ....quando fomos obrigados a dar uma de forcados , aqueles toureiros portugueses que pegam o touro a unha , explico : nas touradas portuguesas ao contrário das touradas espanholas o touro não morre, ele é simplesmente pego a unha, e derrubado ao chão , pelos fortíssimos e experientes e famosos forcados, naquele momento me veio a mente o filme Quo Vadis?, onde o escravo forte pra cacete era obrigado a pegar o miura pelos chifres para salvar a mocinha, que fora amarrada numa estaca ao centro da arena, soube que na realidade que quem pegava o touro era um dublê forcado português, e eu logicamente, por ser o professor de Judô, e também conhecido como Sansão ( o apelido de Volta Redonda fora levado por Cláudio e Norberto), naquela época um corpo atlético e campeão Peso Meio Pesado tinha 1,76 e 93 kilos, fui unanimemente eleito o forcado numero Hum, ou seja de um lado o maior do garraios , mais forte, mais bravo e já com um esboço maior de chifres , no lugar dos botãozinhos digamos um Miura, adolescente   e do outro uma fila de calouros, todos magrelos e cagando de mêdo , tendo a frente numero hum ou seja o assustado e desesperado que grita: He Touro! He Touro! He Touro! Como os forcados, avançando em direção ao miura olhando firmemente nos olhos, e com corpo arqueado em passos firmes Quando o garraio partia para cima, tinha de retroceder rapidamente e jogando todo o peso do corpo por cima da cabeça do bruto, agarrar o mais forte que pudesse o pescoço num mata leão definitivo ( golpe de luta livre) e fatal, quando os outros saiam de trás e se punha um a segurar o rabo e os outro desesperadamente a empurra aquela montanha de músculos e fúria para o chão, enquanto o objetivo ainda não era conseguido sentia no meu abdômen o calor, a baba e meu Deus como doía as marradas, uma, duas, três, quatro ate que finalmente exausto ele cedia e caia com todos seus quinhentos quilos no chão, tínhamos então que manter a posição do miura adolescente no chão imobilizado como uma luta de Judô, aguardar o soar da corneta quando tínhamos que soltar o bicho e era pernas pra quem te quero, e na direção a cerca salvadora atingir de um único e preciso pulo e o mais importante não se esquecer , repito nunca! se esquecer que lá dentro da baia estava correndo o Pai, Macho e Puto da vida o verdadeiro Touro Miura, negro, mais de uma tonelada de músculos e fúria, e aqueles chifres , meu irmão aqueles chifres verdadeiros e assassinos. E agente equilibrando naquela cerca, e saco meu irmão como doía, mas naquela altura a gente aquentava qualquer dor.
Foi o dia em que me tornei um forcado pelas circunstâncias , forçado e pode botar forçado nisso. Para aliviar a tensão fartas doses de vinho do Porto e conhaques e bagaceira muita bagaceira ( uma espécie de cachaça portuguesa de uva  menino que fogo dava!) servia para esquentar o frio e aumentar a a coragem.....Quando vejo os calouros sofrerem com toda a resignação e paciência os trotes impostos pelos veteranos, eu me lembro do que passara com o meu trote e digo sem pestanejar esses calouro são sortudos. Ha sim são sortudos mesmo!
Norberto Pereira,  ficou dois anos, voltando definitivamente para o Brasil onde se casaria com Norma e reataria seu emprego a CSN. Cláudio  Umberto Granato e eu continuamos ate nos formamos em julho de1975. Nosso  Internato no Hospital Santo Antonio no Largo dos Leões iniciaria  em Outubro de  1975,  ficando ate janeiro de 1975  quando regressaria para Volta Redonda iniciar o primeiro ano de Residência Medica em Clinica Geral . No ano seguinte ( 1976) mediante concurso me mudaria para o Rio de Janeiro para iniciar a Residência em Neurocirurgia no Hospital Geral do Andaraí. Claudio continuou no Porto e trabalha ate hoje  como Medico Hematologista no Hospital Universitário São João, deve estar prestes  a se aposentar ou já se aposentou,   se casou e teve duas  filhas , agora formadas e residem  em Barcelona na  Espanha. Segundo as más ou boas línguas ,esta rico, o que ele logicamente nega veementemente.
 Ao retornar ao Brasil definitivamente em janeiro de l976 ao encontrar, agora na casinha comprada no Bairro Aterrado a Rua Sete de Setembro,  minha mãe que aos pulos de alegria me recebia aos abraços e beijos bem como meu pai e meus irmãos , pude finalmente  murmurar nos ouvidos dela   que havia realizado o seu maior desejo, que estava de volta, aos 27 anos e tinha realizado o meu sonho de ser MEDICO. 
 


Publicado por PAULO ROBERTO SILVEIRA em 07/09/2009 às 17h29
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
26/08/2009 20h25
E-MAILS DE HAMBURGO - ALEMANHA - O CAPITULO FINAL ( UM GRANDE AMOR NUNCA SE ESQUECE) PARTE II

 MARIA DE FATIMA A NOVELA:
AI GRANDE RICARDO , MAIS CONHECIDO NAS PARADAS COMO O PRINCIPE SAPÃO! ALGUEM POR FAVOR PODERIA ME COLOCAR A PAR?
COMO VOCE SE FALOU NA OUTRA COMUNIDADE, NESTE FINAL DE SEMANA TERÁS TEMPO DE DAR UMA INVESTIGADA MELHOR!.AGUARDAREI COM PACIÊNCIA!, MAS CONTINUO CURIOSO: PORQUE PRINCIPE SAPÃO???

\"\\"\\"\"
15/04/05
 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A versão do sapo que virou principe ou o contrario
O Eduardo ja era principe antes de ser beijado, ai eu não entendi onde entra o sapo? Ele era um sapo e foi beijado tranformou-se em principe ou foi o contrario ! Há controversias.
\"\\"\\"\"
16/04/05
Ricardo
Felipe...
Sabe o nome do Café onde a Maria de Fátima trabalha? Pois fui nesta associação portuguesa e lá ninguém conhece ela...
\"\\"\\"\"
16/04/05
P i t t a
Ricardo
Agora não me recordo muito bem, acho que é Mip talvez.
Mas fica bem no começo da Schanze (Schulterblattstraße) quase embaixo da ponte dos trilhos do metro/trem.

\"\\"\\"\"
16/04/05
 


 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Sapo Principe ( Eduardo) x Felipão
Caraca meu irmão, estou mesmo impressionado com a dedicação e competencia destes amigos, na comunidade Portugal, solicitei informações de um medico cirugião que estudou comigo,foi meu colega de grupo eu P-Paulo e ele S-Serafim, menino! a Beatriz uma portuguesinha que esta no Brasil, moveu céu e terra e me conseguiu todos os endereços desse meu amigo. Agora nessa comunidade HH, estou prestes realmente a ter noticias da minha Maria de Fatima e saber o nome e o paradeiro da "nossa" filha, que nasceu em Hamburgo em torno de 1973 ou 1974. Não vai dar para aguentar tanta emoção!
\"\\"\\"\"
16/04/05
 

 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
PARA O SAPÃO E FELIPE PITTA
O nome da bela desaparecida e Maria de Fatima Couto ( eu acho!)Boa sorte aos meus detetives!
Paulo Roberto

\"\\"\\"\"
16/04/05
Ricardo
acho que sei qual é o Café que vcs estão falando...

Semana que vem dou um pulo lá...

\"\\"\\"\"
19/04/05
 

 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Grande Ricardo!
Quer dizer que agora tás solteiro de novo! As garotas que se apresentem ha um novo partido na praça! Aguardo o teu faro para o impossível! Confio na tua mente de matemático! Abração!
\"\\"\\"\"
28/07/05
 


 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A procura de Maria de Fátima
Pois é pessoal atendendo a pedidos e inúmero amigos da Orkut, escanei umas fotos da Maria de Fatima, quando em 1972 aos 34 anos, uma linda e carinhosa bota carinhosa nisso!, de cabelos ruivos e compridos, e grandes e meigos olhos verdes!
Caso queiram que envie as fotos, mandem para o meu Scrap o E-Mail.

Abração.

\"\\"\\"\"
09/08/05
 

 
 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A procura de Maria de Fatima
Graças a interferencia do Dr Peter Koj , Vice Presidente da Associação Luso Hanseatica, no Portugal Post nº 31/2005, foi publicado o meu apelo para quem possa me dar noticas de Maria de Fatima.
Meus sinceros agradecimentos
meu site: www.drpaulosilveira.med.br
                  www.drpaulosilveira.com.br

meu E-Mail:drpaulosilveira@uol.com.br 
                       drpaulosilveiraemails@yahoo.com.br   








tópico: QUEM PODE ME DAR NOTICIAS DA MARIA DE FATIMA?

Ricardo E então seu Paulo Roberto? 5/7/2005 00:11
E agora?

Paulo Roberto A Procura de Maria de Fátima e minha filha? 16/7/2005 08:26
Muito bem gente o que eu preciso para solicitar esse apoio? Ser for preciso advogado eu tenho uma maneira de conseguir pois veja só que ironia! EU TAMBEM SOU ADVOGADO! E ESSA LAIA DE GENTE AJUDA MUITO UNS AOS OUTROS, TENHO QUE RECORRER A MINHA QUERIDA OAB. Me enviem os dados que eu continuo.
apagar

Ricardo 16/7/2005 18:58
Vc sabe alemão? Que tal entrar em contato direto com algum Amt e ver o que precisa... pq a burocracia daqui é tão bizarra, que só perguntando direto pra eles o que eles precisam, pois qq coisa que a gente falar por aqui vai ser \\\'achômetro\\\'... E se um deles falar que vc precisa enviar alguns documentos, consiga isto por escrito, pois se ele reclamar, vc fala que eles informaram que tinha que ser assim, e que são eles quem estão pisando na bola então...

Paulo Roberto Quem sabe onde se encontra a Maria de Fatima 26/7/2005 08:30
Olha, gente, vocês estão de prova que eu ja perdi as esperanças de ter noticias da Maria de Fatima, caso alguem queira já escanei umas fotos de l972, so me enviar o E-Mail que prontamente eu envio.
Obrigado a todos!


Paulo Roberto Ao encontro de noticias sobre Maria de Fatima 9/8/2005 09:55
Pois é pessoal, o Wolfgang, meu deu a dica de entrar em contato com a Associação Luso Hanseatica, por intermédio do seu Vice Presidente Dr Peter Koj, foi publicado no Portugal Post número 31/2005 o meu apelo solicitanto informções sobre o paradeiro de Maria de Fatima com as fotos que tirei em 1972 em Hamburg, nos esplendor dos 32 anos uma linda ruiva de grande e meigos olhos verde

\"\\"\\"\"
14/08/05
 


 

\"\\"\\"\"
 


 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A procura de Maria de Fatima
Pois é caros colegas, essa minha busca pessoal, incessante e incançavel, tambem esta rolando na outra comunidade: Brasileiros na Alemanha.
Abração a todos.

\"\\"\\"\"
15/09/05
 


 

\"\\"\\"\"
 


 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Follow UP - A procura de Maria de Fátima
Como sou um brasileiro e não desisto nunca, dessa minha cruzada particular, tenho recebido muitas ajudas, algumas positivas outras negativas, mas, no total vencem as ajudas positivas.Maria de Fátima, hoje se viva for, deve se encotrar em Hamburgo ou qualquer outra cidade alemã, ou voltou para Portugal onde vive na cidade do Porto ou arredores, não me espantando se tiver imigrado para qualquer outra cidade do mundo ate mesmo o Brasil.
Como se diz na minha terra, a esperança é a última que morre!

\"\\"\\"\"
28/03/06
 


 

 
 


 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Não desisto de procurar a Maria de Fatima
Pois é pessoal, apareceu um fato novo, a revista Portugal de Hamburgo colocou no ar um apelo pelo site: www.portugal-post.de/pp31/mariap.html, em 31/08/05 com as fotos da Maria Fatima tirou comigo em Hamburgo em l972, dai fica a esperança que alguem munido das fotos dê um pulo lá Assossiação Portuguesa de Hamburgo e pergunte aos mais antigos quem sabem alguém não possa dar alguma informção do seu paradeiro, pois ela foi a gerente ou a responsável pelo restaurante da Assossicação nos idos bota idos nisso de l975. Me ajudem a achar a Maria de Fatima.
\"\\"\\"\"
29/03/06
Ricardo
O Sr. já recebeu algum retorno, ou alguma dica, depois de colocar as fotos dela na internet?
\"\\"\\"\"
29/03/06
Ricardo
O Sr. já procurou no Google?? consegui achar pelo menos 116 sites no qual o nome "maria de fátima couto" é mencionado... e sem as aspas o número de sites sobe pra 470.000!!!
\"\\"\\"\"
11/04/06
 


 

 


 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A Procura de Maria de Fatima
As fotos da Maria de Fatima, em l972 estão no site: www.portugal-post.de/pp31/mariaP.html

Quer puder dar um pulo la na Assoaciação Portuguesa de Hamburg, quem sabe que com a foto escaneada alguem da diretoria, não possa dar alguma noticia de que foi a responsavel pelo restaurante da Associação com certeza ate l975 ou mais.
Abraços aos meus amigos, quem sabe agora teremos noticias?

\"\\"\\"\"
11/04/06
Ricardo
Existe alguma diferença entre a Associação Portuguesa e a Luso-Hanseática (onde o Sr. colocou as fotos)??
\"\\"\\"\"
26/04/06
 


 

 


 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Maria de Fatima ( a procura)
O endereço que recebi da Assossicação Portuguesa de Hamburgo: Heirichstrausse, 14
22.769 Hamburg
Tel: 43 99344

\"\\"\\"\"
27/04/06
Ricardo
O Sr. escreveu o nome da rua errado, é Heinrichstr, e existem três em HH!!!
Nas opções do Stadtplan do www.hamburg.de a rua que o Sr. se refere é a primeira opção...

Todavia o Sr. ainda não respondeu a pergunta que fiz anteriormente se existe alguma diferença entre as duas instituições, i.e. se a Associação Luso-Hanseática e a Associação Portuguesa são a mesma coisa

Manu
Curiosidade...
Diga-me, achou a tua Maria?
\"\\"\\"\"
23/05/06
 

 
 

\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A procura de MF
Amigo Ricardo! me desculpe não ter respondido a tua indagação. As duas entidades são diferentes! Não tem nada uma a haver com a outra!
Abraços.

\"\\"\\"\"
26/05/06
Ricardo
Então presumo que nenhuma das duas entidades tenha trazido alguma nova informação sobre o possível paradeiro da MF...

O Sr. já tentou entrar em contato com os Coutos em Pt pra ver se alguém sabe dela, ou se mesmo no Orkut não existem alguns Coutos e porventura alguém é parente dela... nunca se sabe \"\\"\\"\"

\"\\"\\"\"
26/05/06
Ricardo
Dei uma olhada rápida no Orkut e vi que existem mais de 1000 Coutos no Orkut, mas apenas 17 deles na Alemanha... se este for mesmo o nome dela, esta deve ser a melhor pista até agora... mas acho que não vai ser fácil achar ela... metade das portuguesas se chama Maria e a outra metade Fátima... e imagino que 5 em 10 portugueses deve ter o sobrenome Couto... naja... wo ein Will ist, ist ein Weg... quem sabe o Sr. não tem sorte \"\\"\\"\"
\"\\"\\"\"
05/03/08
 


 
http://p-hh.de/index.php?page=91&id=1367

Maria de Fátima Couto, procura-se



Quem sabe do paradeiro de Maria de Fátima Couto? Vem de uma aldeia dos arredores do Porto e tem cabelo ruivo e olhos verdes. Foi a responsável pela administração na cantina da Associação Portuguesa em Hamburgo (Heinrichstr. 14) em 1972.
Foi nessa altura que o jovem Paulo Roberto Silveira, estudante de medicina no Porto, a conheci em Hamburgo. Agora exerce a profissão de médico no Brasil e queria muito reencontrá-la por ter sida de grande importância na sua vida.
Quem puder ajudar, dirija-se a nós ou directamente ao Dr. Silveiro através do seu endereço electrónico (drpaulosilveira@uol.com.br).
Também tem site: www.drpaulosilveira.med.br



http://p-hh.de/index.php?page=91&id=1329

Wir suchen Maria de Fátima Couto



Wer weiß, wo Maria de Fátima Couto jetzt lebt? Sie stammt aus einem Dorf in der Nähe von Porto und war in den Jahren 1972, 1973, 1974 verantwortlich für die Verwaltung der Kantine der Associação Portuguesa em Hamburgo (Heinrichstr. 14).
Der junge Paulo Roberto Silva, Medizinstudent der Universität Porto, lernte sie damals in Hamburg kennen. Er lebt jetzt als Arzt in Brasilien und würde Maria de Fátima gerne wiedersehen, da sie eine große Rolle in seinem Leben gespielt hat.
Wer weiterhelfen kann, wende sich an uns oder direkt an Dr. Silveira per e-mail (drpaulosilveira@uol.com.br).
Seine Homepage: www.drpaulosilveira.med.br







Impressum         Disclaimer
.
Portugal-Post Nr. 31 / 2005




 


 


 

 









Impressum         Disclaimer
.
Portugal-Post Nr. 31 / 2005




 


 


 

 

 
A Associacao Luso Hanseatica- Portugiesisch Hansensisch Gesselsshaf, no dia 9 de agosto de 2005, por intermedio do Seu atual Vice Presidente  Dr Peter Koj, atendeu meu apelo, divigando no texto E-Mails de Hamburg , Um grande amor, nunca se esquece, colocou atraves dos link que nao estao mais disponiveis em alemao www.portugal-post.de/MariaD.html e em portugues www.portugal-post.de/ MariaP.html, mas ontem dia 24 de janeiro 2010 ao estar navegando na internet ao acessar drpaulosilveira, tive a grata satisfacao de encontra o icone da Associacao luso Hanseatica - Portugiesisch Hansensisch Gesselsshaf e ao clica-lo tive a grata satisfacao de ver o meu apelo , em alemao e depois em portuges com as fotos da Maria de Fatima em 1972, que foi solicitado pelos meus amigos que nao coseguiam, portanto meus amigos com voces:

O Apelo em Alemao:

http://p-hh.de/index.php?page=91&id=1329

Wir suchen Maria de Fátima Couto

Wer weiß, wo Maria de Fátima Couto jetzt lebt? Sie stammt aus einem Dorf in der Nähe von Porto und war in den Jahren 1972, 1973, 1974 verantwortlich für die Verwaltung der Kantine der Associação Portuguesa em Hamburgo (Heinrichstr. 14).
Der junge Paulo Roberto Silva, Medizinstudent der Universität Porto, lernte sie damals in Hamburg kennen. Er lebt jetzt als Arzt in Brasilien und würde Maria de Fátima gerne wiedersehen, da sie eine große Rolle in seinem Leben gespielt hat.
Wer weiterhelfen kann, wende sich an uns oder direkt an Dr. Silveira per e-mail (drpaulosilveira@uol.com.br).
Seine Homepage: www.drpaulosilveira.med.br



| Seitenanfang |





Impressum         Disclaimer
    .     

Portugal-Post Nr. 31 / 2005





.
      Wir über uns    Mitglied werden    Kontakt    Gästebuch     

  AKTUELLES

  Zurück
 

  Suche
 

  Aktuelle Portugal-Post

  Terminkalender

Themen

 

  Archiv Portugal-Post

  Essen und Trinken

  Internes

  Kultur

  Literatur

  Schule und Universität

  Sprache

  Urlaub und Freizeit

Service

  Adressen

  Dia-shows

  Kontakt

  Mitglied werden

  Radio/TV

  Wir über uns
    .     
  O apelo em Portugues:

http://p-hh.de/index.php?page=91&id=1367

Maria de Fátima Couto, procura-se

Quem sabe do paradeiro de Maria de Fátima Couto? Vem de uma aldeia dos arredores do Porto e tem cabelo ruivo e olhos verdes. Foi a responsável pela administração na cantina da Associação Portuguesa em Hamburgo (Heinrichstr. 14) em 1972.
Foi nessa altura que o jovem Paulo Roberto Silveira, estudante de medicina no Porto, a conheci em Hamburgo. Agora exerce a profissão de médico no Brasil e queria muito reencontrá-la por ter sida de grande importância na sua vida.
Quem puder ajudar, dirija-se a nós ou directamente ao Dr. Silveiro através do seu endereço electrónico (drpaulosilveira@uol.com.br).
Também tem site: www.drpaulosilveira.med.br



| Seitenanfang |





Impressum         Disclaimer
    .     
Portugal-Post Nr. 31 / 2005


O CAPITULO FINAL:

Rio de Janeiro, 06 de Junho de 2010.

Prezados amigos, no dia 28 de maio de 2010 , atraves do site Recanto das Letras , atraves de Carlos Amorim, recebi o seguinte E- Mail


De: CARLOS.AMORIM
E-mail: CARLOS.MIP@HOTMAIL.COM
IP: 92.72.173.142

Assunto: AMOR PERDIDO

Mensagem:

A MARIA DE FATIMA QUE VOCE PROCURA NAO TEN O MIP ESSE E MEU A MINHA MULHER TAMBEN SE CHAM M: DE FATIMA QUEM VOCE ANDA A PROCURA ESSA SENHORA JA ESTA EN PORTUGAL-ALGARVE FARO
EU ACHO QUE ESTA EM FARO CARLOS AMORIM M.I.P SCHULTERBLAT 98 DESEJOLHE MUITA SORTE

Fiquei muito surpreso, pois , ja tinha perdido a esperanca de receber noticias de Maria de Fatima, imediatemente lhe respondi e outro E-Mail veio com respostas verdadeiras e importantes que me orientaram na minha busca de quase 40 anos.

A VERDADE SOBRE QUE MARIA FATIMA DISSE AO PASTOR EM 1975.
...
Foto para Paulo Roberto Silveira
De:    
Paulo Roberto Silveira <drpaulosilveiraemails@yahoo.com.br>  [Bater-papo agora]
...
Adicionar a contatos
Para:    CARLOS.AMORIM <CARLOS.MIP@HOTMAIL.COM>    
OLA CARLOS , A HISTORIA DA MARIA DE FATIMA DE HAMBURGO VOCE PODERA SE INTEIRAR NO CONTO  UM GRANDE AMOR A GENTE NUNCA ESQUECE,  NO SITE : www.drpaulosilveira.med.br ou www.drpaulosilveira.com.br
OBRIGADO PELAS INFORMACOES ENVIADAS, MAS LHE PERGUNTO COMO VOCE CONSEGUIU A INFORMACAO QUE MARIA DE FATIMA NAO ESTA MAIS EM HAMBURGO MAS  EM  PORTUGAL-ALGARVE FAROVOCE ACHA QUE ESTA EM FARO CARLOS AMORIM M.I.P SCHULTERBLAT 98 .
COMO POSSO FAZER PARA ENCONTRAR A MARIA DE FATIMA. VOCE HA DE CONVIR QUE O QUE EU QUERO REALMENTE CONFIRMACAO QUE O MEU AMIGO PASTOR ME PASSOU , QUE EM 1975 FOI LHE REVELADO PELA PROPRIA MARIA DE FATIMA.
ESTOU REAMENTE A PROCURA DA CONFIRMACAO DESTA REVELACAO , NADA , MAIS.   PAULO


29 de Maio de 2010 10:39:18
RE: A VERDADE SOBRE QUE MARIA FATIMA DISSE AO PASTOR EM 1975.
...
De:    
CARLOS AMORIM <carlos.mip@hotmail.com>  [Bater-papo agora]
...
Exibir contato
Para:    drpaulosilveiraemails@yahoo.com.br    

OLa  eu vivo na alemanha  desde 1973
.o meu pai foi tesoureiro na asosiacao en hamburgo1970  na lange raie eu conheci uma senhora que estava na asociacao en spaldingstrasse no primeiro andar , en1973que se chamava fatima alias duas uma era a minha mae que se chama maria de  fatima esteves  e a outra fatima que em hamburgo teve um restaurante en s.pauli depois fechou . pela sua descricao so pode ser essa pessoa mas eu acho se for essa que esteve nos comessos dos anos 70 la so pode ser essa. Eu acho se for essa fatima de olhos verdes e cabelos quelaros que ja faleceu eu encontrei o marido dela no algarve aonde ele viveu tiverao la um restaurante na estrada nacional 124  o marido dela veio para a alemanha e chamasse gorge .talves eu comssiga mais informacoes mas voce pode tentar falar com a filha do S.Marques que na quela altura estava la. eu o comtacto do S.marques nao tenho sei que ele vive no algave en albufeira  mas veja na net AGENCIA MARQUES HAMBURGO essa agencia e da filha. se puder ser util em mais alguma coisa vosse diga. eu ja esteve ai no rio a procura do meu avo em 1992 e teve sort encontreio ao fin de 50anos ai no brasil boa sorte um abraco.......

Ola Carlos Amorim, eu finalmente encontrei alguem que conseguisse, por final me dar noticias da Maria de Fatima. Eu com 19 anos iniciei o curso de Medicina e Cirurgia na Universidade do Porto em Portutal, o inicio do ano letivo e em outubro e em junho comecam as ferias escolares quando ai na Europe inicia-se  o verao, dai de carona ou a boleia pela primeira vez  em 1970, fui para Alemanha, fiquei em pricipio em Frankfur, depois de trem ou de comboio fui para Hamburgo onde me estabeleci definitivamente, trabalhei como estivador no cais do porto, em fabricas , em restaurante com lavador de prato, ate , chegar a Tchibo, uma fabrica de cafe, e chocolate, eu consegui emprego na funcao de empacotador na fabrica de plasticos , onde eram manufaturados os envolucros ou recepientes de plasticos dos produtos , cafe e chocolate, eram tres turnso, 8:00 as 16:00  hs, das 16:00 as  22 :00  hs e o turno que eu trabalhava das 22:00 as 6:00 hs, ganhava 7,5 DM por hora sem descontos, dai, as vezes fazia horas extras, com esse dinheiro complementava as minhas despezas como estudante de medicina  em Portugal. Em 1972 , voce ,  ainda nao estava em Hamburgo, conheci a Maria de Fatima na Associacao Porturguesa de Hamburgo, ela estava solteira, e entao comecamos um relacionamento que durou ate junho de 1974, quando veio a Portugal visitar alguns parentes, que moravam numa frequesia perto da cidade do
Porto,  nos nos encontravamos quando eu ia de ferias para a Hamburgo ou quando ele vinha de ferias para o Porto. Desta vez Maria de Fatima, seria, me falou telefonicamente que viria no outro dia ao Porto e que eu a esperasse no  Cafe Guanabara, Eu a esperei o dia inteiro e Maria de Fatima nao veio ao me encontror me dar a importante noticia. Eu nunca mais tive noticias de Maria de Fatima. Em 1978 numa feste de ex estudantes de Portugal, um , amigo em comum, de alcunha Pastor, pois era Pastor protestante, era estudante de Coimbra e em Hamburgo era tambem amigo da Maria de Fatima, alias, foi ele que me apresentou a ela na Associacao Portuguesa de Hamburgo, me, revelou que Maria de Fatima havia se reconciliado com o marido, estava responsavel pelo restaurante da Associacao, e , chamou atencao dele, para uma meninha, moreninha e cabelinho encarocolados ( eu sou moreno , e tenho cabelos encarolados) disse -lhe ao pe de ouvidos, essa e a filha do Paulo. Foi ai meu amigo, que eu compreendi a grande noticia que ela queria me dar , e nao teve coragem, pois eu tinha 24 anos e iria me formar medico no ano seguinte.... Gostaria somente de saber o Nome da Meninha moreninha de cabelos encarolados nascida em 1975. Onde ela esta, como e a sua aparencia.

Fiquei sabendo , entristecido que Maria de Fatima e falecida.

Gostaria muito que voce me desse mais noticias deste grande amor, que como afirmo nunca esqueci. Veja a fotos da Maria de Fatima no Jornal Post no site www.drpaulosilveira.med.br  no conto Um grande amor a gente nao esquece.

 


























Publicado por PAULO ROBERTO SILVEIRA em 26/08/2009 às 20h25
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
26/08/2009 20h01
E-MAILS DE HAMBURGO - ALEMANHA( UM GRANDE AMOR NUNCA SE ESQUECE) PARTE I
Paulo Roberto
Uma pessoa muito querida na Associação Portuguesa
Quando estudante de Medicina na Universidade do Porto, como todos os brasileiros que precisavam de dinheiro, fui para Alemanha tentar a vida, em 1972 durante as Olimpiadas eu estava em Hamburgo e trabalhava na TCHIBO uma fábrica de plasticos, e moravam num Studen Hauss, fiz muitos amigos, alemães, brasileiros ,potugueses, marroquinos, uma babel,mas uma pessoa em especial que gostaria de saber noticias , trata-se de Maria de Fátima, uma portuguesa que soube atraves de amigo comum, chamado Pastor ( estudante de medicina em Coimbra) ser a responsável pelo restaurante na Associação Portuguesa de Hamburgo! Gostaria de Saber noticias desta moça, pois temos ainda um assunto pedente, que ainda temos que discutir, passados tantos anos! Quem poderia me ajudar!
\"\\"\\"\"
15/03/05
excluir\"\\"\\"\"
 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A Vida em Hamburgo
Quando estudante de medicina na Universidade do Porto em Porgual, nas férias (novembro a março), a gente ia para Alemanha, a primeira vez fui á boleia, uma aventura e tanto, a primeira cidade que fiquei foi Frankfurt, la permaneci 1 semana indo de trem para Hamburgo, apaixonando-me pela cidade trabalhei num restaurante espanhol lavando pratos, durante um mes, depois fui trabalhar numa fábrica de produtos quimicos, quando finalmente descobri a TCHIBO, onde passei a ter vaga cativa todas as férias que ia para Alemanha. A nossa refeição era no restaurante dos Estudantes MENSA, e sempre tinha hospedagem num Student Haim (é assim que se escreve?)em Altona. Trabalhava o tempo todo pois tinha tres turnos 8:00 as 16:00, das 16:00 as 22:00 e 22:00 as 8:00. Cheguei a trabalhar nos tres turnos 15 dias, morava num fusca na porta da Thcibo. Os momentos livres a gente ia para a Assossiação Portugues de Hamburgo, unico lugar onde a gente comia algo diferente de salchicha e repolho e batata frita. Foi la que conheci a Maria de Fátima, uma portugesa muito bonita, quando ficamos juntos por dois anos. Esta Maria de Fátima, soube que assumiu o controle e gestão do restaurante da Associação Portuguesa de Hamburgo, gostaria muito de ter noticias da Maria de Fatima. Quem puder me colocar em contato com ela ou me dar informações do paradeiro dela eu ficarei muito grato. meu E-Mail: drpaulosilveira@drpaulosilveira.com. br meu site www.drpaulosilveira.med.br
\"\\"\\"\"
15/03/05
Ricardo
Onde fica esta Associação Portuguesa?
\"\\"\\"\"
16/03/05
excluir\"\\"\\"\"
 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Endereço da Associação Portuguesa
Ola Ricardo!, rapaz! já lá se vão tantos anos que eu não me recordo do endereço. Sei que ficava no centro da cidade. Veja se voce consegue o contato com a minha Maria de Fátima.Ela em 1973 vindo a Portugal pois a aldeia dela fica perto do Porto (não me recordo o nome!), ligou-me marcando um encontro no Café Guanabara, dizendo-me ter algo muito importante a tratar comigo! Eu esperei o dia inteiro e ela nunca veio ao encontro e nunca mais deu-me noticias,Ha acerca de cinco anos num encontro de Ex estudantes de Portugal, um amigo comum que era Pastor Protestante ( Foi ele que nos apresentou na Associação Portuguesa de Hamburgo) falou-me que a Maria de Fátima tinha assumido o controle administrativo do Restaurante desta Associação. Não sei mais nada da Maria de Fátima e gostaria que ela me dissesse o teor de tão importante revelação que era portadora.
\"\\"\\"\"
16/03/05
Ricardo
Sabe dizer o nome da associação em alemão, ou dizer perto de onde que fica o tal restaurante?
\"\\"\\"\"
17/03/05
excluir\"\\"\\"\"
 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A procura de um grande amor!
Ola Ricardo!

Eu vou tentar encontrar dentro das minhas recordações e anotações esta informação que voce esta me solicitando. Obrigado, pelo interesse! Eu de pronto não sei lhe informar o solicitado! Mas em 1972 a 73, esta associação era a unica que existia na cidade de Hamburbo.O nome era mesmo em Portugues : Associção portuguesa de Hamburgo, pois os imigrantes portugueses muitas vezes recem chegados ainda não falam alemão, aqui mesmo no Brasil eles nunca perdem o sotaque. Abração. Ricardo de uma olhada no meu site www.drpaulosilveira.med.br

\"\\"\\"\"
17/03/05
Ricardo
Tentei ver no Google se tinha uma \\\'Associação Portuguesa de Hamburgo\\\', mas dei com os burros n\\\'água... não achei nada...

Se vc der uma referência... (ou tv qd eu for a Altona posso perguntar pra algum portuga onde fica)...

Dei uma olhada no teu site (mas fiquei meio sem saber o que ver... por acaso era algo relacionado à Associação Portuguesa?)

\"\\"\\"\"
18/03/05

 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Endereço da Associação Portugesa ( A revelação)
Ricardo, para voce entender, quando estava estudando medicina no Porto, nas féria a gente ia para Hamburgo onde trabalhavamos na THCIBO, ganhando DM 7,5 por hora, trabalhamos duro, ganhando ate DM 3000, era um dinheiro que ajudava a nos manter ate a proxima volta para Hamburgo. Moravamos nas Casas de Estudante em Altona, e comía no restaurente universitario (MENSA), tinhamos uma turma unida , proveniente das faculdades de Portugal: Lisboa, Coimbra e Porto, assim ficamos amigos e conhecidos, no fim de semana como ninguem era de ferro não aguentando mais comer salchisa , batata frita e repolho, a gente comia aquela comida portuguesa com certeza, aonde? na associação portuguesa de HAMBURGO, no restaurante dessa associação que conheci a Maria de Fatima, soubendo depois que ela passou administradora do mesmo. Olha la se vão quase 30 (trinta) anos, provavelmente não estara mais la, ou teria retornado para Portugal ou quem sabe ainda estaria por la. Vou escanear uma foto dela e te enviar oportunamente. Agradeço imensamente esse seu interesse, pois , e uma interrogação na minha vida, a repeito da filha que ela teve em 1972, que sengundo o colega de Coimbra cognome Pastor, referira ser muito parecida comigo, e , como a Maria de Fatima nunca veio ao encontro dizer-me o que tão importante teria a me dizer, eu concluir ser o fata de que naquela época estara gravida dessa criança. Gostaria de tirar essa dúvida a limpo, e saber o nome da hoje moça adulta. Abração.
\"\\"\\"\"
22/03/05
Ricardo
Tem uma amiga mais enturmada com os portugas... no momento de férias no Brasil, qd ela voltar eu pergunto pra ela se ela conhece tal associação...
\"\\"\\"\"
09/04/05
 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A procura de Maria de Fátima
E ai Ricardo , voce já descobriu onde fica a Associação Portuguesa de Hamburgo, onde a minha Maria de Fátima foi o ainda é responsável pelo Restaurante? Aonde poderei ter notícia dela?

Abração.Paulo Roberto Silveira 

 
 
 
Ricardo
Perguntei pra alguns amigos onde fica esta associação, mas ninguém conhece...

Tem uma amiga que voltou à pouco do Brasil, vou perguntar pra ela, pois ela conhece mais portugueses... quem sabe ela trás alguma luz pra coisa...

\"\\"\\"\"
09/04/05
 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Falou! Grande Ricardo. Obrigado pela sua atenção, voce não pode imaginar como esta pequena notícia é importante para mim!
\"\\"\\"\"
10/04/05
Wolfgang
Oi Paulo Roberto, acho que posso te ajudar... Dá uma olhada nesse site:

http://www.portugal-post.de/r_vereine.html

Lá tem endereco e telefone da associacao que vc mencionou. Se quiser entrar em contato via e-mail, tenta através daquela Associacao Luso-Hanseática.

Espero que vai te ajudar! Tudo de bom

Wolfgang

\"\\"\\"\"
10/04/05
Ricardo
OK...
Já vi onde é o tal endereço... dou um pulo lá durante a semana... (obrigado pela dica, Wolfgang)
\"\\"\\"\"
11/04/05

 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Obrigado Wolfgang, acho que agora o Ricardo chega lá!Estou com bons pressentimentos. Abração
\"\\"\\"\"
12/04/05
 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A procura de Noticias da Maria de Fatima
A Maria de Fatima que eu procuro, esteve pela Associação Portuguesa de Hamburgo, que graças ao Wolfgangue, o endereço surgiu: Heinrichstrasse 14 - 22769 telefax: 43 99344, pelos idos de 1972 a 1975 com certeza ,quando assumiu o controle e administração do restaurante dessa associação. Perdi o contacto, desde então e procuro por notícias de seu paradeiro, sei que é natural de uma aldeia nos arredores da cidade do Porto.Aonde estará Maria de Fátima?
\"\\"\\"\"
12/04/05
P i t t a
EU CONHEÇO!
Eu morei na rua Heinrichstrasse... acho que conheço a Maria de´Fátima de quem vocês falam, ela tem um café bem no começo da Schulterblatt.
Tentarei colher mais algumas informações.

\"\\"\\"\"
12/04/05
 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
A minha Maria de Fátima!
Oi Felipão!, eu fiquei até arrepiado, quando alguém, consegue indentificar a Maria de Fatima, voce disse que ela tem um café, isso é mesmo a cara da Maria de Fatima, no meu site:www.drpaulosilveira.med.br , na secção fotos, voce podera copiar e levar Maria de Fatima, e ela provavelmente me indentificará casa seja a pessoa que procuramos, preciso mesmo, encontrá-la e conversar com ela. Obrigado. Abração! Espero poder finalmente tirar de meu coração a dúvida que me acompanha 30 (trinta } anos. O que ela queria de tão importante falar comigo naquele dia no Cafe Guanabara , encontro que a esperei o dia inteiro!
\"\\"\\"\"
12/04/05
P i t t a
Estou no Brasil
Infelizmente não estou em Hamburg, mas tenho amigos que podem ajudá-lo, inclusive uma amiga que trabalhou nesse café. Tentarei fazer alguns contatos e assim que tiver alguma novidade te aviso.
\"\\"\\"\"
12/04/05

 
\"\\"off-line\\"\"Paulo Roberto
Estou perto de encontrar a Maria de Fátima!
Ai Felipe, voce esta no Brasil? Aonde? no Rio ? me ligue: meu telefone: 21 25498282 ou celular 21 99894694. Gostaria de conversar contigo sobre a sua possibilidade que eu acho muito forte de conheceres a Maria de Fátima. A tua amiga esta no Brasil ou na Alemanha? Ela poderia entrar e contato comigo para a gente conversar? Aguardo seu telefone, meu consultorio é em Copacabana na Av. Nossa Senhora de Copácabna nº 427 sal 1205. Aguardo seu contato; Abração.
\"\\"\\"\"
Paulo Roberto

Maria de Fátima Couto, procura-se
Quem sabe do paradeiro de Maria de Fátima Couto? Vem de uma aldeia dos arredores do Porto e tem cabelo ruivo e olhos verdes. Foi a responsável pela administração na cantina da Associação Portuguesa em Hamburgo (Heinrichstr. 14) em 1972.
Foi nessa altura que o jovem Paulo Roberto Silveira, estudante de medicina no Porto, a conheci em Hamburgo. Agora exerce a profissão de médico no Brasil e queria muito reencontrá-la por ter sida de grande importância na sua vida.
Quem puder ajudar, dirija-se a nós ou directamente ao Dr. Silveira através do seu endereço electrónico (drpaulosilveira@uol.com.br).
Também tem site: www.drpaulosilveira.med.br



Wir suchen Maria de Fátima Couto
Wer weiß, wo Maria de Fátima Couto jetzt lebt? Sie stammt aus einem Dorf in der Nähe von Porto und war in den Jahren 1972, 1973, 1974 verantwortlich für die Verwaltung der Kantine der Associação Portuguesa em Hamburgo (Heinrichstr. 14).
Der junge Paulo Roberto Silva, Medizinstudent der Universität Porto, lernte sie damals in Hamburg kennen. Er lebt jetzt als Arzt in Brasilien und würde Maria de Fátima gerne wiedersehen, da sie eine große Rolle in seinem Leben gespielt hat.
Wer weiterhelfen kann, wende sich an uns oder direkt an Dr. Silveira per e-mail (drpaulosilveira@uol.com.br).
Seine Homepage: www.drpaulosilveira.med.br







Impressum         Disclaimer
.
Portugal-Post Nr. 31 / 2005




 


 


 

 









Impressum         Disclaimer
.
Portugal-Post Nr. 31 / 2005




 


 


 

 




Publicado por PAULO ROBERTO SILVEIRA em 26/08/2009 às 20h01
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
26/08/2009 16h26
O SONHO ( UMA EXPERIENCIA FORA DO CORPO!)
Naquele domingo, como em todos dos últimos anos, meu marido, saía para o plantão como neurocirugião no Hospital Getúlio Vargas na Penha, que inciava ás 20:00 hs e terminava ás 8:00, da segunda feira, daí iria emendar na dura rotina de medico brasileiro, indo de um local para o outro,só chegando em casa extremamente cansado, depois das dez da noite da segunda feira. Assisti televisao e fui dormir tendo como companhia os nosso dois gatos,Xana uma adorável vira lata preta, com manchas brancas nas patas dianteiras e no peito que nos encantou quando em Minas em visita a fazenda do irmão do meu marido, estava brincando com outros gatinhos. Deixando-os de lado, veio mordiscar os dedos do pé do Paulo ,que estava descalço e balançava-os displicentemente, debaixo da mesa, equanto conversava animadamente com o irmão e... nos adotou e vice versa. Foi amor á primeira vista. Compramos para fazer companhia a dama de preto rajada de branco, o Luca, um macho siamês todo marron com manchas negras nas quatro patas e ponta do rabo e lindos olhos azuis! Pois bem a Xana tinha tido sua primeira cria, dois machos e três fêmeas, todos... pretos que nem a asa da graúna.
Ela ficava aninhada com os seus cincos carvâozinhos numa caixa de papelão na porta do quarto e o Luca, dengoso e medroso dormia comigo na cama, bem no lugar do Paulo, ai se êle soubesse...
Não havia atingido a fase REM do sono (Rapid Eye Moviment), quando sùbitamente uma grande paralisia começou a tomar conta do meu corpo, estava começando a ficar nervosa pois não conseguia movimentar nem um membro por mais esforço que fizesse (Paralisia do Sono ?), quando súbitamente senti um forte ruído , nos ouvidos , como se alguém ou alguma coisa quizesse me dizer algo. Começei a juntar todas as minhas forças para me livrar daquela paralisia, mas era em vão , e os ruídos iam aumentando cada vez mais, quando tornaram-se vozes balbuciadas e baixas mas imcompreensíveis! Começei imediatamente a rezar pedindo a Deus para por fim a esse tormento.
Finalmente minhas preces foram ouvidas, pois consegui me livrar daquela horrível paralisia, mas notei que algo estava estranho, pois, estava com o nariz a poucos centímetros do teto , e, ao me virar para baixo constatei embasbacada que eu estava dormindo lá em baixo na cama, ato contínuo e assustada e com medo de cair, tentei me segurar na parede e foi aí, que vi os meus braços esticando como um elástico ( parecia aquele super-herói : O homem elástico) ir de encontro a outra parede do quarto, e o pior, as minhas mãos atravessavam a parede como manteiga!.So havia   um jeito, teria que usar toda a minha forca mental para voltar para o meu o corpo que jazia lá em baixo imóvel. Será que eu morri? será um sonho? sera um experiencia fora do corpo ?.Tinha que voltar de qualquer maneiro . Tanto tentei que consegui e ao entrar no meu corpo, senti plenamnte a posse de todos os meus sentidos, dores e angústias,e toda a gama de sensações que a paralisia do sono apresenta, mas aquela situção de flutuar fora do meu corpo físico era extremamente agradável e de plena paz.
Percebi, derrepente os olhos azuis e arregalados do meu gato, que medroso como era, partiu como uma bala, acordando a Xana que estava na porta do quarto numa caixa com suas crias. Essa tão logo percebendo algo de anormal, estava acontecendo, não perdeu tempo, pulou para cima de mim e frenéticamente me lambeu , me mordeu , olhando assustadamente para mim ou para o que estava atrás de mim.
Ao sair dessa situação, sentia fortes dores no corpo e principalmente no meu dedo anular esquerdo, e fiquel completamente atônita ao verificar que a minha aliança estava totalmente deformada em forma elíptica no referido dedo, e que com grande dificuldade a retirei, e ao mostrar ao Paulo quando este chegara,   ficou também impressionado comentou:
- Puxa, Zélia, que força magnética você despreendeu nesse seu transe parasônico! Foi tão forte e intenso que abalou a estruturas do anel. Terei que levar a um ourives para desamassá-lo.
Foi a Xana com a sua coragem e determinação que acabou de me acordar e tirando dessa situação que Paulo denominara de Parasonia. Fui procurar o Luca, pela casa toda e o encontrei encolhido e assustado e tremendo, sem parar se escondendo atrás das cortinas da sala!. Francamente!... na hora que mais prescisei não me valeu a ajuda do macho, mas da fêmea. Minha doce e corajosa
Xana, que tantas saudades e recordações me vem a mente ainda hoje, anos após ter nos protegido durante o 8 anos de sua existencia. Os gatos sao animais que transmitem protecao aos seus donos e nesse caso foi o que aconteceu.
Mas dessa situação estranha e intrigante ficara a pergunta: Parasonia, saída astral do corpo e o que mais? Por que a minha aliança ficou em forma elíptica, machucando o meu dedo? 
 
 

Publicado por PAULO ROBERTO SILVEIRA em 26/08/2009 às 16h26
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.



Página 1 de 5 1 2 3 4 5 [próxima»]

Site do Escritor criado por Recanto das Letras